Conheça os tipos de chás e os seus benefícios

  • TEXTO Alessandro Fernandes
  • FOTOGRAFIA Drew Jemmett
  • DATA: 28/07/2022

Os chás são bebidas milenares que romperam as fronteiras do Oriente se tornando um hábito comum nos mais diferentes países do mundo, inclusive do Ocidente. Conheça, nesta publicação, os principais tipos de chás utilizados no Brasil e os benefícios à saúde associados a cada um deles.

 

 

Os chás são bebidas comuns que se popularizaram no Brasil e no mundo pelas suas propriedades benéficas à saúde, como a ação desintoxicante, a melhora na qualidade do sono, controle da pressão arterial e propriedades calmantes. Apesar de ser uma tradição originada na Ásia, o consumo de chá extrapolou fronteiras e hoje está presente em todo o planeta.

Beber uma xícara no café da manhã, no consultório médico enquanto aguardamos ser chamados ou no fim de tarde é tão comum quanto o nosso conhecido café. Aqui no Brasil, o cultivo só começou no século XIX e boa parte da produção é proveniente do Vale do Ribeira, em São Paulo.

Mas para além de questões relacionadas a efeitos medicinais e fitoterápicos, o consumo de chá também pode e é defendido por muitas pessoas como um ritual. Para Danielle Mangaroti, bióloga, engenheira agrônoma, sommelière de chás e Tea Blender, “o chá, você querendo ou não, traz benefícios para você, isto está garantido. Agora imagina você ter um momento para degustar, ritualizar esse chá.” Essa fala foi feita durante a live “A energia dos astros e da natureza em nós” realizada em abril no Instagram da Vida Simples. 

Ela, que criou a Kãfa, defende uma relação acolhedora e repleta de significados com os chás que consumimos, mesmo que a gente, por ventura, venha a tomar por questões de saúde ou um simples costume adquirido ao longo da vida. Perceber os cheiros, o que eles despertam em você e como isso te transforma também é importante na hora de bebericar uma xícara.

Pela sua fama e diversidade, existem diversos tipos de folhas e flores que são utilizados na produção das bebidas, como a erva-cidreira, o capim-santo e a camomila, mais conhecidos entre a população. As opções de chás e os seus benefícios são inúmeros para a nossa saúde, e por isso reunimos os principais deles e seus efeitos benéficos no organismo.

1. Chá de erva-cidreira

A erva-cidreira é talvez uma das plantas mais conhecidas para a produção de chás no Brasil. Pertencente à família do boldo e da hortelã, a espécie tem propriedades calmantes, analgésicas, antioxidantes e anti-inflamatórias, além de um sabor maravilhoso.

Ela também é uma aliada importante no controle de distúrbios psicológicos como a ansiedade, depressão, insônia e estresse. Além dos chás, a erva, originária de regiões da Ásia e Europa, também pode ser utilizada no preparo de sucos, óleos essenciais e receitas culinárias.

O preparo é simples e pode ser feito utilizando sachês industrializados, presentes em supermercados ou lojas de produtos naturais, embora seja possível optar pelo cultivo em casa, além da compra das folhas em feiras orgânicas do seu bairro ou município.

folhas de capim-cidreira em tom verde forte.

Foto: Zrenate

2. Chá de boldo

O boldo é uma planta utilizada com frequência para auxiliar o tratamento de doenças e problemas hepáticos ou que envolvem o trato gastrointestinal. A forma mais comum de preparo é utilizando sachês ou as folhas secas, que originam uma bebida de gosto forte e aparência amarronzada.

É comum que a indicação do chá seja aliada no combate a doenças como gastrite, azia e problemas relacionados a alimentos. Isso porque o boldo tem qualidades gastroprotetoras e auxiliam no combate de úlceras e outros problemas que atingem a região abdominal.

folhas de boldo na cor na marrom

Foto: Thomas Griggs

3. Chá de camomila

A camomila, popularmente conhecida pelo seu chá, é consumida com frequência pelos brasileiros por ter um preço acessível, além das suas propriedades benéficas a saúde e a praticidade de encontrar as flores secas da planta em feiras e supermercados.

Quem sofre com insônia, ansiedade, nervosismo ou lida com cólicas e gastrite, a camomila é uma aliada poderosa no combate a esses problemas, embora, se consumida em excesso, pode gerar sonolência, náuseas e vômitos.

flores de camomila. tipos de chás e seus benefícios

Foto: Yaroslava Stupnytska

4. Hortelã

O hortelã, além de ser utilizado para diversas finalidades, como a produção de óleos essenciais e medicamentos, possui um dos chás mais saborosos. Além do bom gosto, as folhas da planta têm propriedades analgésicas, antioxidantes, digestivas e anti-inflamatórias.

É muito comum que a bebida seja recomendada para pessoas com resfriado, gripe ou problemas relacionados a essas doenças.

copos com hortelã e uma chaleira com água quente. Tipos de chás e seus benefícios

Foto: Jaida Stewart

 

VOCÊ PODE GOSTAR

Chás que curam

O que aprendi na cerimônia do chá

Comida é patrimônio

 

5. Chá verde

Embora sua popularidade seja maior no Oriente, a bebida se tornou muito comum no Brasil, especialmente pelas propriedades medicinais e pela sua importância na alimentação de pessoas que buscam uma dieta mais saudável. Com um importante efeito antioxidante, o consumo do chá verde auxilia na circulação sanguínea, retenção de líquido e redução de inchaços.

Mas cuidado, a bebida não é recomendada para pessoas com hipertensão e que convivam com algum tipo de cardiopatia, além de acelerar o metabolismo humano, por isso não é recomendado ingeri-la durante à noite.

xícara com chá verde e uma chaleira de louça ao lado. Tipos de chás e seus benefícios

Foto: Na visky

6. Capim-Santo

O capim-santo, ou capim-limão, tem um aroma semelhante ao do limão e pode ser encontrado tanto de forma fresca ou em folhas secas em feiras e supermercados. Além do chá, também é comercializado o óleo essencial e o preparo de compressas e sucos.

A planta, rica em citral, limoeno e geraniol, possui efeitos antioxidantes que ajudam a prevenir doenças como câncer, pressão alta e gastrite, além de ajudar a aliviar dores como cólica, dor de cabeça e dor muscular.

capim-santo visto do alto. Tipos de chás e seus benefícios.

Foto: IBRAHIM AL JARUSHI

7. Eucalipto

O eucalipto é um dos principais chás quando o assunto é gripes e resfriados, já que a planta possui propriedades antissépticas, descongestionante, antiespasmódica e antimicrobiana.

Mesmo que não substitua o efeito de medicamentos, pode melhorar o sistema imunológico e combater infecções no sistema respiratório. O chá é preparado com as folhas do eucalipto, facilmente encontradas em lojas especializadas na venda de ervas ou farmácias de manipulação.

floresta de eucalipto. Tipos de chás e seus benefícios

Foto: Jonathan Borba

8. Erva-Doce

Ainda que possua outros nomes pelo país, as propriedades da erva-doce ou anis-verde são poderosas, sendo indicado o seu chá para aliviar gases, náuseas, prisão de ventre, cólicas e má digestão.

A parte utilizada para a produção do chá são suas sementes, que possuem um sabor adocicado e são encontradas com facilidade no comércio. Além dos benefícios já citados, a bebida ajuda a melhorar a digestão, alivia a dor de cabeça, fortalece o sistema imunológico, combate a prisão de ventre e previne doenças do coração.

Foto de erva-doce e uma xícara de chá. Tipos de chás e seus benefícios

Foto: Jenn Simpson

 

 

 


ALESSANDRO FERNANDES é estudante de Jornalismo na Universidade Federal do Ceará e estagiário na Vida Simples. Natural do Rio Grande do Norte, acredita no veganismo popular como uma das ferramentas de transformação da sociedade e no potencial da escrita e do Jornalismo em tocar as pessoas.


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 246, agosto de 2022 COMPRAR

TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*