⁠   ⁠
COMPARTILHE
Astral da vida: se entregue à espontaneidade das emoções
(Foto: OKSANA ZUEVA/CANVA)
Siga-nos no Seguir no Google News

Semana 4, dia 17 até 23 junho. Sua comunicação poderá seguir espontaneamente suas emoções. Você conseguirá antecipar e responder às necessidades das pessoas que ama e seus gestos, palavras e ações transmitem de maneira envolvente seu amor e dedicação.

No dia 17, Mercúrio e Vênus entram em Câncer e ficam em conjunção, um período para expressar sentimentos e desejos com sinceridade e sentir que, ao se conectar em um nível emocional, seu entendimento e sua empatia se tornam mais profundos. Priorize passar tempo com a família e amigos próximos, partilhando esse sentimento de união, segurança emocional e pertencimento.

Pés no chão: saiba controlar suas idealizações

Durante esse período, poderá haver uma tendência a idealizar relacionamentos ou romantizar situações e, com mais sensibilidade a energias sutis, podemos também confundir os limites entre realidade e fantasia. Clareza e honestidade na comunicação podem evitar confusões. Se você é artista, este é o momento ideal para a expressão criativa e para aprofundar sua conexão e senso de unidade com todos os seres.

No dia 20, o Sol entra em Câncer, destacando ainda mais a importância dos vínculos emocionais, dos relacionamentos que nutrem, do conforto e da proteção de pertencer, de estar entre família, apreciando suas raízes e as pessoas que têm dado forma à sua vida. Agora que se conectar emocionalmente e apoiar as pessoas que ama são sua motivação para agir, aproveite também para concretizar outros objetivos tangíveis que tragam conforto e alegria.

Suas finanças e ideia de prosperidade podem se alinhar de forma única com as mudanças coletivas, priorizando o bem-estar de todos – o seu e o do planeta. Você pode transformar seus valores e as estruturas que os sustentam, encontrando soluções inovadoras, adaptadas à sua realidade.

LEIA MAIS
Autossabotagem: por que abandonamos sonhos e objetivos?

Foco nas emoções que importam

A energia da Lua Cheia em Capricórnio no dia 22, poderá te inspirar a fazer um balanço de suas conquistas e avaliar o avanço em direção aos seus objetivos, mantendo seu foco prático nos objetivos de longo prazo e na necessidade de perseverança para ter sucesso.

É possível que amplie sua sensibilidade, destacando a necessidade de equilibrar necessidades emocionais com responsabilidades, compromissos e aspirações profissionais.

É um bom momento para considerar como você pode se realizar tanto no trabalho quanto na vida pessoal, e manter um equilíbrio saudável entre alimentar seus relacionamentos e alcançar objetivos profissionais.

A luz da Lua ilumina as áreas em que você poderá ter uma atitude mais pragmática para lidar com sentimentos, para reconhecer e expressar suas emoções de forma autêntica enquanto navega pelas responsabilidades e obrigações externas.

Este período pode trazer clareza a desafios emocionais relacionados com segurança, dependência, limites, especialmente entre responsabilidades pessoais e profissionais dentro das parcerias.

Faça a Meditação da Lua Cheia e a Meditação de Capricórnio no Soulloop app para aproveitar o poder desta fase da Lua e se alinhar com as suas realizações.

Três perguntas para refletir

  • Como você pode utilizar a conjunção de Mercúrio e Vênus em Câncer para expressar seus sentimentos e desejos com mais sinceridade e profundidade nas suas relações familiares e de amizade?
  • De que maneira você pode equilibrar a sensibilidade emocional com a clareza e honestidade na comunicação para evitar confusões durante este período?
  • Como você pode aproveitar a energia da Lua Cheia em Capricórnio para fazer um balanço de suas conquistas, equilibrar suas necessidades emocionais com suas responsabilidades e alcançar realização pessoal e profissional?

Os textos de colunistas não refletem, necessariamente, a opinião da Vida Simples.

A vida pode ser simples, comece hoje mesmo a viver a sua.

Vida Simples transforma vidas há 20 anos. Queremos te acompanhar na sua jornada de autoconhecimento e evolução.

Assine agora e junte-se à nossa comunidade.

0 comentários
Os comentários não representam a opinião da revista. A responsabilidade é do autor da mensagem.

Deixe seu comentário