Você abraçou a sua alegria hoje?

  • TEXTO Valéria Campos
  • FOTOGRAFIA Sam Manns | Unsplash
  • DATA: 23/01/2019

Ainda escuto a risada da mãe naquela manhã fria de sábado. Enquanto ela preparava o almoço na casa do vô, ela foi resgatando histórias a cada mexida nas panelas. Até que de repente, o seu riso alto e divertido eliminou todos os processos culinários. Ela então se curvou e colocou as mãos sobre os joelhos. Os olhos nem apareciam mais. A risada tinha tomado conta do seu corpo. E o passeio longo pelas lembranças fez renascer momentos miúdos, que tanto lhe causaram alegria.

Naquele momento, o vô saiu do quarto e sentou na ponta da mesa – seu lugar favorito. Ali ficou observando toda aquela cena e rindo de mansinho. Ao redor da mesa, a mãe continuava puxando da memória outras histórias, enquanto o vô, com mais de 80, fixava seus olhos sobre ela. Parecia estar buscando lembranças para a fala. Ali ele fazia uma viagem pelo caminho esquecido.

Minutos depois, lá estava o vô (sorrindo) contando sua história. Da época em que era menino e sobre seu último dia na escola. A minha mãe, nessa hora, falou: “Eu não sabia disso pai. Acredito que nenhum dos filhos”. E o vô riu.

Ao reparar em toda aquela conversa que conectou os dois, mergulhei na sensação única daquele momento, daquele agora. E uma alegria grandiosa invadiu meu peito. Por minutos, carreguei aquela explosão no meu interior. Foi tudo passageiro, mas muito valioso pra mim.

Para falar sobre o poder da alegria, encontrei os ensinamentos de Ingrid Fetell Lee, que é uma designer e escritora. Como fundadora da The Aesthetics of Joy, ela capacita as pessoas a encontrarem mais alegria na vida cotidiana por meio do design.

Durante uma apresentação no TED, Ingrid falou sobre como somos obcecados pela busca da felicidade e o quanto negligenciamos a alegria (o momento, o agora). Apesar de muitos dizerem que são apenas prazeres momentâneos, realçou, de fato, são muito importantes para nós. “Portanto, ao invés de correr atrás da felicidade, deveríamos abraçar a alegria”, disse. E mais do que isso, é preciso também encontrar formas de nos colocar em seu caminho mais frequentemente. No fundo, ela completa, cada um de nós tem esse impulso de buscar alegria em nosso meio.

Convido então você a tirar o olhar do automático. E olhar de um jeito novo as coisas que já são conhecidas. Reparar. Refletir. E se deixar levar por cada gota de sentimento. Como bem disse a filósofa Teresinha Rios: precisamos desembaraçar os óculos mentais e ver com clareza e profundidade tudo ao redor. “É preciso ver claro. Ver fundo. Ver largo”.

E então, o que deixou você alegre hoje?

COMENTÁRIOS

  • Priscilla

    Acordar com meu filho e minha gata juntinho de mim na cama . Observa -los dormir . Amo observar minhas crias dormindo .

    Responder
  • Leninha

    Hoje fiquei ‘alegre” pôr ter levado minha filha adolescente no dentista. É meio tenso, então sempre faço umas graças e acabamos rindo muito… Ela* principalmente… É isso…

    Responder
  • Camila

    Sempre acreditei que a felicidade se faz em cada instante da vida. Aprendi a ser feliz agora, pois o depois a gente nunca sabe o que vem. Sejamos gratos sempre e nosso coração aprende a ver o belo em cada dia de nossas vidas. Belo texto.

    Responder
  • Marília soares

    Estou numa cidadezinha do interior de Mg, a trabalho, hospedada numa pensão familiar, e conversa vai, conversa vem, fiquei sabendo q tbm eram espíritas e que fariam o estudo do ESE a tardezinha, e pude participar com eles e depois ficamos conversando, trocando experiências e principalmente ouvindo o Sr Miguel, homem sábio, isso me trouxe muita alegria em compartilhar o momento!!

    Responder
  • Dayane

    Texto da minha grande amiga. Como amo essa sensibilidade toda com as palavras. Reitero meu orgulho. Parabéns, Valéria! 💛

    Responder
  • Gisele

    Valéria, querida ! Seu texto é perfeito ! Como venho pensando nisso…
    Obrigada! Bj

    Responder
  • Giovana

    Texto sensível e perfeito… Nesse momento encho meus olhos de água e o peito quase explode em profunda gratidão pelo aqui e agora e por poder aproveitar esses poucos instantes de leitura e contemplação. Obrigada!!

    Responder
  • Zenildes

    Agradecer o estar vivo, feliz e realizado é muito gratificante. Olhar a sua volta e observar quantas maravilhas há no universo para contribuir com a sua felicidade é muito legal.❤

    Responder
  • Amarildo

    Tomar sorvete com as minhas filhas. Não sou muito fã de sorvete, mas elas adoram!

    Responder
  • DAIANE

    Beijo do meu pequeno Davi.

    Responder

  • TAMBÉM QUERO COMENTAR

    Campos obrigatórios*


    VEJA TAMBÉM