Universo Hygge

  • TEXTO Luciana Corrêa - www.lucianacorreamix.com.br
  • DATA: 06/10/2020

Já a algum tempo a palavra Hygge chegou até meus ouvidos e, com curiosidade, acompanho esta tendência ou este estilo de vida tão peculiar e admirável.

 

É para ser notado, visto com olhos aguçados e vivido intensamente!

Mas o que vem a ser: Hygge?

Esta palavrinha tem origem na Noruega, pode ser traduzida como “bem-estar” e pronuncia-se hoo-ga! Tornou-se um estilo de vida adotado mais intensamente na Dinamarca a partir do início dos anos 1800. Dinamarca, considerada hoje “o país mais feliz do mundo”, tem grandes qualidades e índices altamente favoráveis a este ranking, mas também tem um inverno rigoroso que torna a qualidade de vida objeto de mais atenção e cuidado. Neste contexto, Hygge torna-se um fator a mais agregando valor no que se pode dizer da “felicidade dinamarquesa”.

No livro The Little Book of Hygge de Meik Wiking, CEO do Instituto para Pesquisa da Felicidade, o autor nos conta uma situação que viveu entre amigos, no dia mais curto do ano, em pleno inverno. Quando a neve branquinha, o frio, a escuridão de fora, fez com que acendessem uma lareira, tomando vinho, fervendo uma sopa, todos em semicírculo escutando o barulhinho do fogo. Usavam largos suéter e confortáveis meias e, no silencio aconchegante daquele encontro, alguém falou. “Isso não poderia ser mais Hygge?” E outro respondeu: “Sim, se tivesse uma tempestade lá fora”!

Pronto, isso é Hygge! Mas perai, ainda não deu para compreender…

Hygge, segundo Meik Wiking, tem a ver com atmosfera e experiencia, mais do que com coisas e objetos. Não que estes não criem a atmosfera Hygge como um todo. É sobre estar com pessoas queridas, uma sensação de bem estar, de acolhimento, de lar. É sobre tomar seu chá e curtir esse momento, também é sobre compartilhar um bolo com café em família e ter um papo agradável, íntimo e prazeroso. É sobre ler um bom livro deitado numa rede ou fazer um cachecol de tricô escutando uma boa música. Hygge é tudo isso e muito mais!

Um acalanto para a solidão

Pode ser uma estratégia para vencer os dias frios, escuros e chuvosos do inverno Dinamarquês, pois Hygge preza ambientes iluminados por velas, aconchegantes, regados a bons vinhos e a confort food. Mas também pode ser visto no verão, porque não? Um pic-nic fora de casa com os amigos ou um passeio no parque com os filhos e, até mesmo, comer uma fruta ao pé de uma árvore, não poderiam ser mais Hygge! Portanto encontramos Hygge em diferentes estações do ano, sendo também acompanhado em outras culturas e partes do mundo.

Toda hora em todo lugar

Hygge tem a ver com olhar o mundo de uma maneira diferente e estar mais conectado com ele, mais conectado com as pessoas a sua volta e com você mesmo! E em meio a esta pandemia ocasionada pelo Covid19, em pleno 2020, nada mais me ocorre do que valorizar as simples experiências do nosso cotidiano, o aqui e o agora e as “pequenezas” do dia a dia. Tudo isso nunca estiveram tão tão em voga.

Pronto! Acho que até aqui deu para ter uma singela idéia do que Hygge seja, mas tem muito mais a ser dito e explorado. Bem vindos ao Hygge, bem vindos ao meu blog!

 

ASSINE A VIDA SIMPLES

 

vida


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 226, dezembro de 2020 COMPRAR

TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*