Outros ângulos

  • TEXTO ana holanda
  • FOTOGRAFIA RAFAEL DUARTE
  • DATA: 15/12/2020

Um registro dos principais cartões postais do Rio pelo olhar de quem aprendeu a amar a cidade como uma casa

O fotógrafo Rafael Duarte nasceu e cresceu no Rio. Mas seus olhos nunca se anestesiaram com a beleza do lugar. Pelo contrário, ele garante que segue se encantando, todos os dias, com a paisagem. E isso vale até mesmo para as imagens de sempre, tão exaustivamente registradas por profissionais e turistas de todo o mundo. Buscar novos ângulos, transformar o usual em incrível.

Foi isso o que o norteou ao produzir o livro Rio (Bambalaio), que traz imagens icônicas da cidade, mas por um olhar diferente.



“Sempre busquei explorar muito a natureza carioca, não apenas pelas praias, mas também percorrendo os parques, fazendo trilhas e subindo as montanhas. Desde pequeno, me encanto com as belezas das paisagens e essa obra reflete meu ímpeto por explorar o território da cidade que eu chamo de casa”, conta Rafael. “Busquei encontrar composições de lugares fora do comum que conseguissem apresentar novos olhares dentro do lugar-comum, para, de alguma maneira, gerar uma reflexão sobre a cidade que habitamos e instigar as pessoas a explorar o Rio de novas formas”, acredita.

A saber, para produzi-las, ele subiu no ombro do Cristo Redentor, percorreu 180 quilômetros da trilha Transcarioca e fez um voo de asa-delta.


RAFAEL DUARTE é documentarista e jornalista. É possível acompanhar seu trabalho em @rafaelduartephotography


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 227, janeiro de 2020 COMPRAR

TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*