Recados da quarentena

  • Lu Gastal

Pense em recados afetivos com carinho – e se tiver oportunidade, surpreenda alguém com algo positivo, um bilhete que seja

 

Ei, psiu! Antes de mais nada, queria começar com uma pergunta: em algum momento da sua quarentena você pediu algo para ser entregue em casa? Uma pizza, um lanche, remédio da farmácia ou um quilo de banana do mercadinho do bairro? Em caso afirmativo, tente lembrar: recebeu alguma embalagem fofa? Mensagem positiva? Recadinho pra lá de gostoso?

A tal quarentena tem sido um desafio constante, não é verdade? Dias bons, dias mais ou menos e, por que não dizer, dias ruins? Sim, querido leitor, todos nós, inegavelmente, temos vivido dias de insegurança, quando o coração aperta e a vontade de chorar se intensifica. E fica ligado porque essa sensação é totalmente normal, ok? Por favor, não se cobre se na sua quarentena você ainda não leu cinco livros muito bacanas, praticou atividade física cinco vezes por semana ou fez algo incrível, digno de um post maravilhoso nas redes sociais. A vida real nos reserva essas surpresas e a gente não pode achar que há inúmeros filtros instagramáveis nas experiências do cotidiano. Combinado que você pensará nisso com carinho?

ASSINE A VIDA SIMPLES

Mas voltando ao assunto delivery; já reparou como tem sido gostoso, além de receber algo especialmente feito pra você, no conforto e segurança do seu lar, esse algo vir acompanhado de uma mensagem digna das melhores reflexões? Tipo “injeção de carinho na veia”? Pois é, preste atenção! Mensagens fofas podem até ser hábitos que já existiam, mas tomaram força nesse período onde a população do mundo inteiro foi convocada a ficar em casa. Todos sabemos, esse hábito não tem sido nada fácil, é diferente do que estávamos acostumados, e nesse contexto a gente está precisando demais de carinho.

Toda forma de amor

Não importa se a embalagem do que recebemos em casa é linda, colorida ou da melhor qualidade. Se ela é simples, como um singelo papel de pão. Mas se tiver acompanhada de um bilhete, um recado carimbado especialmente pra você, tenha certeza, fará toda a diferença no seu dia.

E quem sabe vamos além da ideia de receber algo em casa em tempos de quarentena? Tenho recebido bilhetes virtuais, mensagens pelo WhataApp no maior estilo “lembrei de você” e, confesso, esses momentos acalentam meu coração e tornam meus dias muito mais leves.

ASSINE A VIDA SIMPLES

Vivemos tempos difíceis, a sua vulnerabilidade não é maior que a minha e vice versa. A gente se vira no maior estilo “cada um com seu perrengue”. Então por que não aproveitar para discorrer consigo mesmo a melhor reflexão e aprendizado desses tempos desafiadores?

Pense nisso com carinho – e se tiver oportunidade, surpreenda alguém com algo positivo, uma palavra, um bilhete, o que seja. Parafraseando Lulu Santos: “consideramos justa toda forma de amor!”.

P.s: não afrouxa aí a sua quarentena, saia de casa somente quando e se necessário for, ok?

Beijos meus!

 

Lu Gastal trocou o mundo das formalidades pelo das manualidades. Advogada por formação, artesã por convicção. É autora do livro “Relicário de afetos” e participa de palestras por todos os cantos. Desde que escolheu tecer seus sonhos e compartilhar suas ideias criativas, não parou mais de colorir o mundo ao seu redor. Seu instagram é @lugastal.

 

*Os textos de nossos colunistas são de inteira responsabilidade dos mesmos e não refletem, necessariamente, a opinião de Vida Simples.


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 221, julho de 2020 ASSINAR
COMPRAR A EDIÇÃO

NESTA EDIÇÃO

Ao olhar para nossas emoções, compreendemos que a estabilidade é um empenho permanente. O caminho para harmonia surge quando estamos bem com nós mesmos.



TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*