A mulher na Lua Cheia: a fase da exuberância

  • Kareemi

Na Lua Cheia, é hora de colocar no mundo nossos projetos gestados nas fases anteriores. Nesta fase, a mulher pode se conectar ainda mais com sua potência realizadora

 

Entramos agora na compreensão da terceira fase do ciclo menstrual, que corresponde, no olhar ancestral, à fase da Lua Cheia. Biologicamente, ela se inicia no período fértil, finalzinho da fase pré-ovulatória. Mas, como a maioria de nós não tem um ciclo menstrual de 28 dias, seu início exato e término, pode variar. Com autoconhecimento emocional e cíclico, se observando e aprofundando nesses conhecimentos, fica mais claro perceber quando começa e termina sua Lua Cheia.

Ela está relacionada à nossa ovulação e período fértil. Assim como a Lua na fase cheia do céu, estamos exuberantes, viris, atraentes. Nos sentimos mais bonitas, poderosas e influentes. Sexualmente e e até no sentido de hormônios falando, estamos no ápice da libido.

Benefícios da Lua Cheia

Tudo isso nos traz autoconfiança e se faz oportuno o momento de concretizar o que planejamos na Lua Nova e colocamos energia na Lua Crescente. É o momento de realizar usufruindo desse poder e influência que temos durante esta fase. Nos tornamos mais capazes de conquistar o que precisamos, negociar, convencer… Como se tivéssemos o mundo em nossas mãos. Autoconfiança é tudo, ainda mais neste momento tão marcante, e ela marca a Lua Cheia da mulher. 

A dica é: aproveite muito e curta este momento. Pois este período chega para marcar nosso ciclo trazendo o máximo da potência, sensualidade e força feminina.

Kareemi é criadora da Ginecologia Emocional, autora do livro Viva Com Leveza (Gente) e palestrante motivacional. Nesta coluna, mensalmente, trará reflexões sobre os comportamentos, emoções, corpo e alma femininos. Seu Instagram é @ginecologiaemocional


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 214, dezembro de 2019 ASSINAR
COMPRAR A EDIÇÃO

NESTA EDIÇÃO

Viva com mais calma: É possível desacelerar e cultivar uma forma mais tranquila de aproveitar cada dia, valorizando a presença e a contemplação



TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*