Lua Minguante: um chamado para o recolhimento

  • Kareemi

Na fase da Lua Minguante, o corpo pede menos esforço, menos atividades, menos estresse, tensão. A mente pede menos pensar e mais sentir.

Após a nossa Lua Cheia, onde nossa energia, libido, força feminina estão em alta (assim como nossos hormônios), agora tudo isso começa a cessar, baixar. Sentimos lentamente nossa disponibilidade para tudo, diminuir. E aceitar novos projetos que pedem energia física e mental, fica mais difícil. Também já passamos pela fase da Lua Crescente, onde nos sentimos mais dispostas, com vontade de agir, com a energia do movimento para realização latente.

A fase agora é de literalmente “baixar a bola”, caminhar para um resguardo energético, pois é final de mais um ciclo menstrual, cíclico e lunar feminino. É também a fase tão dolorosa para muitas (ou mesmo uma verdadeira tormenta para outras): a TPM.

A fase da Lua Minguante

lua minguante

A Lua Minguante tem sua influência chamando para o aquietamento, e quando vamos contra esse chamado, nossa biologia vai reclamar. O corpo, a fim de adequar-se a fase, pede menos esforço, menos atividades, menos estresse, tensão. A mente pede menos pensar e mais sentir. É tempo de sentir suas necessidades para ouvir o quê você precisa trabalhar em si mesma para viver melhor no novo ciclo que vai se abrir.

Acima de tudo, é aí está a resposta para a origem de tantos problemas e desconfortos pré-menstruais que tantas mulheres vivem nesta fase. Por falta de não terem esses conhecimentos ancestrais – e autoconhecimento cíclico – e por conta do sistema de trabalho e vida não respeitarem essa necessidade feminina – estamos todas num ritmo frenético o mês inteiro e desrespeitando cada necessidade em cada uma das fases da nossa “lua interna”. E ignorar a necessidade de recolhimento da Lua Minguante, torna o processo hormonal e biológico mais doloroso.

Essa fase também é conhecida como a “Fase de Olhar para as Sombras”. Isso porque, segundo conhecimentos antropológicos e ancestrais femininos, todo fim de ciclo nos traz sombras e coisas que precisamos olhar em nós para criar consciência delas e transmutá-las. 

E a psiquê feminina traz muitas dessas “coisas”. Traz muitos comportamentos, situações e questões, que quando entramos nessa quietude, ficam claros e podemos transformá-los a nosso favor. Transformar sombra em luz.

Dica importante para esta fase

A dica é entrar nesse recolhimento e quietude, nesse mundo de hoje, não significa parar tudo. Se possível, organize sua agenda de compromissos que lhe exigem mais, de acordo com suas fases do ciclo mais adequadas para isso, e deixe sua Lua Minguante mais tranquila, sem muito trabalho extra, menos eventos sociais. Portanto, aposte em banhos mornos e mais longos, cheirinho de lavanda no ambiente e dormir mais cedo, ajudam, e muito, seu corpo e alma nesta fase.

Todas as fases têm suas funções sob o aspecto hormonal, biológico e psico-emocional. E saber tirar proveito do seu melhor em cada uma delas, é o que vai amenizar os sintomas da TPM. Ciclar é um mistério feminino, poderoso e que – acredite – transforma a vida da mulher que desenvolve esse autoconheimento.

 

Kareemi é criadora da Ginecologia Emocional, autora do livro Viva Com Leveza (Gente) e palestrante motivacional. Nesta coluna, mensalmente, trará reflexões sobre os comportamentos, emoções, corpo e alma femininos. Seu Instagram é @ginecologiaemocional


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 223, setembro de 2020 ASSINAR
COMPRAR A EDIÇÃO

NESTA EDIÇÃO

Colocar atenção no que é essencial em nossa existência é um caminho para viver de forma mais íntegra e verdadeira. Saiba reconhecer o que é mais valioso para você



TAMBÉM QUERO COMENTAR

 

Campos obrigatórios*