Transforme o tempo em um bom amigo

  • Fernanda Gomes
  • FOTOGRAFIA: Stockfour | iStock

No episódio de hoje, Fernanda Gomes fala sobre a tendência insana de retardar os efeitos do tempo em nossa pele e em nosso corpo.

Há muita gente por aí vendendo soluções para retardar os efeitos do tempo em nossa pele e em nosso corpo. Como um inimigo, o tempo se torna algo a combater, a idade vira um vilão impiedoso e a velhice, uma doença triste.

Em minha opinião, esse é um dos piores equívocos em relação à saúde e ao corpo. Ninguém pode enganar o tempo. Antes, é preciso fazer dele um bom amigo. Envelhecer é um presente. É preciso agradecer e aproveitar. Cabe a cada um de nós envelhecer com saúde, gratidão e, claro, com beleza!

A medicina, a dermatologia, a nutrição, a educação física e outras áreas têm caminhos e formas de nos ajudar não a combater a velhice nem a retardar o tempo, mas a nos tornarmos capazes de envelhecer bem. Saudáveis, belos, dignos desse privilégio.

Aproveitar essas possibilidades é a melhor forma de agradecer por tudo o que os anos nos deram. E de preparar o nosso corpo, a nossa mente e a nossa alma para tudo o que o tempo ainda nos trará.

*

Na série “Beleza é estar bem” falamos sobre a importância de cuidar da pele — o maior e mais sensível órgão do corpo humano. Ela é o “informante” do nosso sistema nervoso. É com a pele que experimentamos o mundo. É ela que nos diz se está frio ou calor, se a sensação é boa ou ruim. A pele é o o limite do nosso eu, o que nos contém e abriga. E por fim, por esse caráter de “embalagem” que ela também surge como indicativo de saúde e beleza. Todas as sextas-feiras, Fernanda Gomes, dermatologista e homeopata, trará dicas sobre como cuidar desse nosso importante órgão.


FERNANDA GOMES é médica formada pela Universidade Federal de Minas Gerais, com especializações em dermatologia e homeopatia. Acima de tudo, ela acredita na beleza externa como consequência do que cada um tem de bonito por dentro. Faz dos hábitos simples sua receita de saúde e, do trabalho amoroso e dedicado, sua filosofia de vida.

*Os textos de nossos colunistas são de inteira responsabilidade dos mesmos e não refletem, necessariamente, a opinião de Vida Simples.


POSTS RELACIONADOS

EDIÇÃO DO MÊS

Edição 238, dezembro de 2021 COMPRAR

COMENTÁRIOS

  • Paula Lima

    Nossa, essa reflexão é muito importante. É falando sobre isso que vamos nos permitindo.

    Responder
    • Vida Simples

      Com certeza, Paula! E nos permitir, passa, também, pela autogentileza. Tema da nossa revista deste mês 😍

      Responder

  • TAMBÉM QUERO COMENTAR

     

    Campos obrigatórios*